Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

26
Out18

Quanto Mais...

Filipe Vaz Correia

 

 

 

Quanto mais chega a certeza;

Mais incerto me encontro...

 

Quanto mais me assoma a recordação;

Mais receio tenho em esquecer...

 

Quanto mais palpita o coração;

Mais se entrelaça o perder...

 

Quanto mais o tempo passa;

Mais se amarra a solidão...

 

Quanto mais balança o vento;

Mais aumenta a sensação...

 

Quanto mais o jamais;

Esse jamais maior,

Se torna insistente,

Definidor...

 

Mais relevante se tornará;

O desvio poético,

De um esquecido querer.

 

 

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Comentários recentes

  • Anónimo

    Meu caro, Notei com agrado a tua retratação relati...

  • Maria

    Há sempre um "tinhoso/a".É ignora-los. Porque há...

  • Filipe Vaz Correia

    Meu caro José...A mais pura verdade.Um abraço

  • Filipe Vaz Correia

    Minha querida Pingos de Chuva...Absolutamente verd...

  • cheia

    Uma erva daninha estraga uma seara.Um abraço

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts recentes

Pesquisar

Calendário

Agosto 2020

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D