Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

03
Mai18

A Camorra Encarnada...

Filipe Vaz Correia

 

É de forma perplexa que tenho observado os últimos desenvolvimentos no caso dos Emails, que ligam o Benfica a supostos actos que extravasam qualquer patamar anterior no Futebol Português.

Para ser honesto, caso se confirme o que tem vindo a publico nos últimos dias, estamos diante de pressupostos, só comparáveis à Camorra Siciliana...

Jornalistas agredidos, Seguranças privados com defesas judiciais pagas pelo Clube, ligações perigosas à Magistratura, trocas de favores com agentes policiais, tentáculos dispersos pelas mais variadas esferas de influência.

Nada desmentido...

Tudo carregado de suspeitas.

Nomes como Domingos Soares de Oliveira ou Paulo Gonçalves, demonstram quão perto se encontra este terramoto de Luís Filipe Vieira e como cercada está a estrutura Benfiquista.

Por mais que o neguem e verdadeiramente ninguém parece capaz de o fazer, o cerco aperta e será difícil não se retirarem daqui consequências...

O Benfica dispõe ou dispôs de um suposto esquema capaz de influenciar os mais variados quadrantes de interesse, faltando apenas montar o puzzle que desmontará toda a pirâmide fraudulenta que sustentou estes anos de sucesso.

Não quero confundir o Clube com aqueles que o servem neste momento, no entanto, será através dos actos destes que se fará o julgamento sobre a instituição.

Será que a Justiça Portuguesa será capaz de lidar com esta espécie de Máfia Napolitana, ao jeito do Futebol Português, como em Itália foram capazes de desmontar o Polvo que amarrava a Sociedade Italiana?

Veremos...

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

21
Nov17

Um Livro Chamado Angola!

Filipe Vaz Correia

 

Se eu estivesse a ler um livro chamado Angola?

Um livro de ficção...

Sempre de ficção.

Um livro repleto de noticias que todos os dias chegam de Luanda, com consecutivas exonerações, executadas por um novo Presidente Angolano...

Noticias essas, mais do que surpreendentes, deixavam no ar receios e interrogações, sonhos e esperanças, enfim ventos de mudança.

No entanto, imaginemos que nos seus primeiros 50 dias de mandato, esse novo Presidente desafia o legado recebido, mudando quase todas as chefias herdadas de um tal de José Eduardo dos Santos, inclusivamente os cargos onde se encontravam, os filhos deste...

Imaginem!

Cresce uma incógnita na história, que se adensa no capitulo em que nos encontramos:

O que fará o anterior detentor do poder, ou aqueles que estavam habituados a desfrutar desse poder?

Conhecendo as personagens, as características, as atitudes a que nos habituaram, ao longo do tempo, correrá perigo o novo protagonista?

Será que chegará ao fim da história, esta corajosa personagem?

Neste livro que estou ler, um homem improvável, um líder carregado de uma inesperada coragem, tenta resgatar o seu País de um longo e tenebroso sono, de um silencioso lamaçal corrupto e castrador...

Um homem que olha nos olhos dos seus e tenta que estes acreditem num novo caminho, numa nova esperança.

No entanto, temo que as próximas páginas, me tragam a reacção daquele que apesar de frágil, ainda deve ter poder suficiente, para tentar fazer desaparecer aquele que corajosamente foi capaz de limpar a podridão, há muito tempo, acumulada.

Temo tantas coisas...

Mas quanto mais leio, mais gosto do protagonista desta história:

João Lourenço.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Comentários recentes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Calendário

Fevereiro 2020

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D