Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

13
Mar19

Ronaldo: O Dia Em Que A Lenda, Se Tornou Deus...

Filipe Vaz Correia

 

A exibição de Cristiano Ronaldo neste jogo entre a Juventus e o Atlético de Madrid, é mais uma prova da dimensão estratosferica, de um jogador absolutamente único.

Muitos duvidaram...

Desde o próprio Florentino Perez ao deixá-lo sair, da FIFA, France Football ou UEFA, ao entregarem o Prémio de melhor do Mundo a Modric, desde os adeptos do Atlético, confiantes que haviam sentenciado a eliminatória.

Enganaram-se...

Ronaldo reapareceu, na sua prova de eleição, a Champions League, carregando os Bianconeri rumo aos Quartos de Final.

Ronaldo venceu em Inglaterra, em Espanha, na nossa Selecção, aquilo que jamais se imaginou...

E promete vencer em Itália, de Turim para o mundo, amarrando á História a sua inquestionável coroação.

Um antigo jogador do Atlético, um tal de Dominguez, disse que Ronaldo jamais seria considerado uma lenda, no Futebol Mundial...

Tendo em concordar.

Depois desta exibição, como se dela precisasse, Ronaldo ultrapassou esse estatuto de Lenda...

Depois disto, Ronaldo é "Deus".

Sempre disse que Maradona tinha sido o jogador que mais me havia marcado, talvez pelos sonhos provocados na minha imberbe infância, onde assistia boquiaberto ao impossível serpentear "Maradoniano".

Hoje mudei...

O melhor jogador de sempre, só pode se chamar Ronaldo.

Cristiano Ronaldo.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

04
Mar19

Sporting: O Que Estão A Fazer Em Alcochete?

Filipe Vaz Correia

 

Em Alcochete jogou-se mais uma Jornada da Liga Revelação...

O Sporting venceu mas, na minha opinião, não convenceu.

Ao observar o jogo, inquietações e preocupações me assolaram, vendo talento desalentado, qualidade desperdiçada em semblantes desolados, descrentes no seu "Futebol".

Olhar para Miguel Luís e Francisco Geraldes, corrói a alma, adensa a curiosidade  com este indescritível mistério.

Como podem estes Jogadores ter desaprendido de jogar?

Talvez da mesma forma como Bas Dost desaprendeu.

Alguns jogadores, necessitam de motivação, de estarem constantemente submersos num caldeirão de confiança, para dali retirarem o melhor do seu talento.

O problema é que esse trabalho tem de ser feito por um treinador, e isso é coisa que, para os lados de Alvalade, não existe.

Onde está o Miguel Luís Bicampeão Europeu?

Sim, Bicampeão Europeu...

Onde está o menino que entrou sem medo no Emirates ou brilhou com o Belenenses?

E Chico Geraldes, perdido, sem a magia que sempre o caracterizou, despido do tamanho talento que sempre sobressaiu de seus pés.

Não será Thierry Correia melhor do que Bruno Gaspar ou Ristoski?

Quem manda acha que não...

Mesmo Jovane, que não sendo um talento puro, sempre demonstrou a rara qualidade de ser daqueles jogadores que somam vindo do banco, mexem com qualquer jogo, a qualquer momento.

Mesmo o "traquinas"Jovane, não existe mais...

A boa "surpresa" foi a de Max, uma confirmação de um talento imenso, que continuando por este caminho, será desaproveitado.

Estivesse Max, só para falar neste jogador, no Benfica, treinado por Bruno Lage e estaria na luta pela titularidade, disputando a baliza com Odisseias...

Mas como está "neste" Sporting, tem de se contentar em ser o suplente, do suplente de Renan.

Uma vergonha.

Max tem tanto talento como Rui Patrício, com a sua idade, podendo o Sporting com esta forma de trabalhar, desperdiçar, mais uma vez, um enormíssimo jogador.

Mas o que se pode esperar, num clube que sistematicamente se boicota.

Ao olhar para Bruno Lage, recordo-me dos tempos de Paulo Bento, com aqueles meninos que tanto me orgulhavam, lutando pelo título, sem medos e sem dinheiro.

Moutinho, Veloso, Rui Patrício, Nani, Djaló, Custódio, Pereirinha, Daniel Carriço, são somente alguns nomes que bravamente vestiam a camisola Leonina, nesse período, mesclando o seu talento com veteranos pagos em saldo, sempre a quilómetros do investimento feito pelos rivais...

E mesmo assim conquistando Taças e Supertaças, lutando na Champions, indo até ao fim pelo título, por vezes, espoliado por mãos "nortenhas", outras vezes por arbitragens "algarvias".

Mas enfim...

Este é o Sporting que nos sobra, assassinando a formação que nos restou depois de Bruno, Virgílio e afins.

De facto, mais do que tudo, é no rosto de Miguel Luís, Chico Geraldes, Thierry Correia e Jovane Cabral que descobrimos algumas respostas para tamanhas questões...

É naquele olhar que se vê o desencantamento, o mesmo olhar que encontramos na bancada, observando Daniel Bragança, emprestado a um Farense que luta para não descer da Segunda Liga.

Que tristeza...

Que boa maneira de potenciar talento.

Mas continuam a existir adeptos que acham bem, aceitam o caminho e ajudam neste trucidar da "nossa" formação, dos "nossos" meninos...

E assim continua o Sporting, por entre, Treinadores nas bancadas, Tótós na direcção e incompetentes na equipe técnica, trilhando um caminho para o desastre.

Viva o Sporting

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

 

 

01
Mar19

Bruno De Carvalho: A Expulsão De Um Ditador...

Filipe Vaz Correia

 

Expulsaram Bruno de Carvalho de sócio do Sporting...

Ora que boa notícia.

Recebi esta boa nova, como aquele menino da escola que vê ser expulso do colégio, o rufião lá do sítio, aquele que aterroriza diariamente todos os que com ele se cruzam...

Assalta, intimida, chateia desmedidamente, como bom mal-criado que é.

Claro está que surgirão inúmeras "viúvas" desse "pequeno" ditador, ao estilo Neo Nazis, suspirando pelo seu Fuhrer.

Mas não me iludo, pois sei que o ruído à volta do tema e da personagem não diminuirá, talvez aconteça o contrário, devido ao exército de bouçais que continua a existir em Alvalade.

Não só os denominados Brunistas, infelizmente, muitos desses bouçais, são somente intitulados de Sportinguistas.

O caminho carece de ser palmilhado, percorrido com coragem e liderança, sendo neste último item, que se encontra o calcanhar de Aquiles do actual Presidente Leonino.

A tão ansiada capacidade de Liderança.

Mas hoje é dia de festa...

Dia de festa, para todos aqueles que amando o Sporting, querem resgatar o Clube das trevas vividas durante meia década, às mãos de um déspota "Venezuelano", capaz de conspurcar a História desta Grande Instituição, com a sua reles pequenez.

Expulsaram o menino Bruninho e seu Priminho, faltando agora expulsar umas centenas de meninos das "Claques".

Perdão...

Dos Gangs como me parece mais apropriado designar.

Viva o Sporting.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

16
Fev19

Onde Está O Nani?

Filipe Vaz Correia

 

 

Ainda bem que o Nani saiu.

Então não é que este jogador, "velhíssimo", ganhava uma fortuna, principalmente se tivermos em conta, que o "velho" Nani joga com os dois pés...

Ora isto constitui um desperdício, num plantel onde a maior parte dos jogadores que ficaram, não jogam com pé nenhum.

Ainda por cima, Nani foi contratado por Sousa Cintra, homem que não cheira o balneário, nem cumpriu Serviço Militar.

Como sabemos, o "nosso" Presidente domina todos os aspectos do mundo futebolístico, contratando para o acompanhar um Staff do melhor que existe, por entre, adjuntos de Jesus, observadores de jogos de computadores e até médicos emigrados nas Arábias...

E como se deve compreender, as notas de Nani no Football Manager, já não devem ser as de um jovem jogador.

Mas será que viram as notas dos outros?

Como serão as notas do Doumbia, do Borja ou do Luiz Phellype?

E as do Keiser?

Essas devem ser mesmo boas.

Mas enfim...

Resta-nos chorar ao recordar cada passe de Nani, cada finta, cada regresso de um amor, expresso em cada entrevista, a cada gesto, a cada palavra.

Nani é um Leão, vivendo num tempo, onde de pouco vale ter o ADN de Alcochete.

Se um jogador experiente como Nani preferiu partir, o que devem pensar estes meninos da Academia?

Que tristeza.

Viva o Sporting.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

14
Fev19

Sporting: A Era Dos "Tótós" Emproados...

Filipe Vaz Correia

 

Depois de um ataque terrorista, preparado num caldeirão de boçalidade, durante cinco longas épocas, vivemos nos dias que correm em Alvalade...

A Era dos "tótós" emproados.

Um grupo de meninos, bem compostos, com a gravata bem assente e palavras mansas, fundamentados na gritante incompetência que se pavoneia em cada gesto de um treinador.

Mas enfim...

Este grupo de "tótós" sabichões, conhecem o cheiro de balneário, tem cursos de treinador, outros nasceram na amálgama de frustrações das claques e nessa mistura amarraram o clube a este amargar de Alma que sufoca a esperança Leonina.

No caldo de cultura criado em Alvalade, pelo anterior Presidente Bruno Maduro, nasceu a oportunidade para uma certa franja subir ao poder, sem preparação, repletos de frases feitas, que seduziram muitos dos que não percebendo de "bola", votam e decidem os destinos do Clube.

O Sporting, fruto do seu esquizofrénico ADN, está à mercê deste tipo de suicídio, de projecto em projecto, de esperança em esperança, de desilusão em desilusão.

Varandas e os seus, perderam espaço de manobra, num Sporting fracturado, nem tanto pelo poder do anterior Presidente, mas essencialmente pela impreparação e incompetência, que me parece cada vez mais evidente.

No entanto, tenho a certeza que, por entre, a mediocridade sobrevivente no Reino do Leão, assistiremos aos apelos de unidade, às vozes impondo o silêncio, mesmo que caminhemos rumo ao abismo.

Dando tempo ao tempo, da tamanha mediocridade.

Foi assim com Bruno...

Será assim com Varandas.

Simplesmente, porque nenhum deles serve para o cargo.

Mas enfim...

Viva o Sporting.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

04
Fev19

Eu Leão... Me Confesso!

Filipe Vaz Correia

 

Perdemos 4 a 2 contra o Benfica...

Em Alvalade.

Dói a alma Leonina, a minha, querendo escrever sobre outra coisa, mas grita o lado poético, carregado de dor, talvez ardor, mas sempre amor...

Este amor que sendo Verde e Branco, está cada vez mais deprimido.

Varandas é incompetente, tão incompetente que foi contratar o treinador do Al-Jazira, com pompa e circunstância, como se fosse um qualquer Guardiola.

Será Keiser melhor do que Peseiro?

Na minha opinião, não.

Será melhor do que Tiago Fernandes?

Também não!

Será melhor do que o Paulinho?

Sinceramente...

Acho que não!

E será Varandas melhor que Keiser?

Acho que não...

E do que o Paulinho?

Talvez como roupeiro...

Mas como Presidente, preferia o "nosso" querido Paulinho.

Estamos em roda livre, na mão de incompetentes, caminhando desatinadamente rumo ao abismo.

Venha outro Treinador.

E já agora...

Outro Presidente.

Viva o Sporting

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

 

 

 

 

02
Fev19

A Entrevista Do Presidente Varandas...

Filipe Vaz Correia

 

Frederico Varandas deu uma entrevista à RTP...

Dessa entrevista retive algumas frases, um tanto ou quanto desconexas, algumas ideias, não muitas, e uma imensa estupefacção, totalmente minha.

Varandas manteve o seu registo, desligado de empatia, acredito que não por defeito mas sim por feitio, meio perdido, gago, desesperançado.

Num estilo tipo "Alice no país das maravilhosas arbitragens", quase um Presidente da APAF, Varandas não só desculpabilizou as arbitragens que nos condicionaram, como aquelas que nos possam vir a condicionar, reduzindo a "nossa" margem de manobra numa futura contestação Sportinguista, aquando desses supostos "roubos".

Mas Varandas ainda não viu o Sporting ser prejudicado esta época, presumo que esteve ausente de Setúbal.

Espero que a equipe de Futebol não veja esta entrevista, antes do jogo com o Benfica, pois as suas considerações sobre este "plantel de reduzida qualidade", palavras suas, em nada deverão acrescentar motivação.

Quanto aos meninos de Alcochete, entre os 18 e os 23 anos, ficaram a saber que existe um Gap de qualidade, quase uma ausência de talento da sua geração, o que explica os "homicídios" de Jovane e Miguel Luís, assim como, a não aposta em Thierry Correia, Luís Maximiniano, Elvis Baldé ou Daniel Bragança.

Será irónico perceber que três destes meninos, são Bi-Campeões da Europa.

Mas enfim...

Ficamos a saber que a pirâmide profissional da sua equipe é do melhor que há, entre eles,  Raul José e Miguel Quaresma, gente que acompanhou Jesus, nesse anterior período de sucesso da História do SCP.

Venceram, durante três anos, uma Supertaça e uma Taça da Liga...

Taça da Liga que parece, neste tempo, ser muito valorizada por esta direcção.

Assim me encontro, desencantado, neste direito que me assiste, como dono da minha opinião, acautelando-me dos "carneiros" que seguem criticando aqueles que ousam discordar, raciocinando e olhando por outros caminhos...

Direi que nem Varandas, nem Keiser, me parecem capazes de guiar o Sporting pelo rumo certo, no entanto, quando a bola começar a rolar, serei apenas mais um, desejando que este Presidente, como qualquer outro, seja sempre ganhador.

Viva o Sporting

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

21
Jan19

Uma Carta Para O Avô Do Miguel Luís...

Filipe Vaz Correia

 

Meu caro Américo Luís, mas que grande problema foi o meu querido amigo arranjar ao seu neto...

É que o "Treinador" Holandês não gosta de pieguices, cenas lamechas com pitadas de sentimentalismo.

E o meu caro, na qualidade de Avô, resolveu invadir as câmaras da Sporting TV, no dia em que o menino, seu neto, marcou o golo que deu a vitória ao clube de Alvalade, sendo que o rapaz ainda se atreveu a vencer o prémio de Homem do Jogo.

O senhor Keizer, não deve ter gostado de tamanha afectividade, coisas que distraem os "craques" predestinados  e nunca mais o colocou a jogar...

Ora banco, ora bancada, ora bancada, ora silêncio.

Nessa mesma semana, Miguel Luís foi considerado o menino-maravilha de Alcochete, para o site da UEFA, numa ilusória descrição de um talento que parece pouco apreciado para os lados dos Países-Baixos.

Mas enfim...

Não desespere senhor Américo, pois parece que um tal de Jovane, também menino de Alcochete, viu o seu espaço na equipa reduzido a nada, e esse não teve direito a pieguices, nem a Avô ou Papá.

Mas o que importa?

Então nós temos, Petrovic, Gudejl, Wendell, Diaby, entre tantos outros talentos que não consigo enumerar...

Sem chorar.

Ai a doce Formação ou a singela e eterna contradição da Nação Leonina, criando tanto, sem nada aproveitar.

Senhor Américo, tenha paciência...

Um abraço deste adepto Leonino.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

 

 

29
Dez18

"Vitamina Keizer"

Filipe Vaz Correia

 

Mais um jogo, mais uma bela demonstração de bom Futebol, por parte da equipa do Sporting.

Dá gosto ver a evolução da "minha" equipa, do trabalho discreto mas indiscutível do Holandês Keiser.

Dois, três toques, evolução constante, pressão efectiva, agressividade positiva, talvez seja a melhor descrição do actual futebol dos Leões.

Dois ou três jogadores a referir:

Miguel Luís, um menino de Alcochete que tem um talento indesmentível, uma versão de Adrien, com a mesma perspectiva de evolução, o mesmo "futuro" brilhante.

Crescendo e com espaço, poderá  tornar-se num médio de valor Europeu.

Bruno Fernandes, o melhor jogador da Liga Portuguesa, mesclando talento com produtividade como mais nenhum outro em solo Lusitano.

Jogasse "noutro" Clube e seria titularissimo na Selecção de Portugal.

Sebastien Coates, trouxe com o seu regresso uma serenidade e segurança que havia faltado em Guimarães.

Para terminar, Raphinha...

Um jogador acima da média, com uma capacidade de finalização importantíssima para um extremo e que acrescentará um poder de decisão em jogos mais equilibrados.

Gostei de ver a reacção à derrota no jogo anterior, demonstrando assim, a vontade desta equipa em lutar pelos títulos que, há muito, fogem de Alvalade.

Viva o Sporting

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

 

 

 

27
Dez18

A Humildade De Xico Geraldes...

Filipe Vaz Correia

 

O Xico regressou a casa...

É assim que vejo este regresso de Francisco Geraldes a Alvalade, um Leão repleto de talento e capacidade para raciocinar.

No entanto, durante o treino na Sporting TV, tive de "aturar" os comentários de Manuel Fernandes e de um tal Joaquim Melo, a dissertarem sobre a falta de "humildade" de Xico Geraldes.

Porque quis sair, porque opinou, porque não soube esperar, porque sei lá...

O gigantesco problema de Xico Geraldes, para as "antas" comentadoras do Mundo Futebol, é o facto de Geraldes não fazer parte desse planeta "bronco", de onde vêm essas personagens.

O que os irrita é o Xico não se perder nas palavras sem nexo, nas frases feitas que todos costumam expelir, enaltecendo o que não sabem, empedernidos nesse limite de raciocínio pouco expandido.

E isso incomoda.

Não querer ficar como suplente de Gudelj, Wendel, Petrovic, Battaglia, ou outro qualquer, não querer se submeter a Jesus ou Peseiros, nada tem de falta de humildade, tem sim um acrescento de inteligência, perspicácia e auto-estima.

E é por isso que admiro o Xico, pois a sua inteligência não se limita aos pés...

Felizmente.

Que tudo corra bem Xico...

Viva o Sporting.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Comentários recentes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Calendário

Março 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D