Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

No Caneca Com... A Desconhecida!

Filipe Vaz Correia, 31.01.19

 

 

 

Hoje, finjo ser poeta, neste espaço que me acolhe...

Este espaço é do Filipe, mas hoje, é também um bocadinho meu.

Obrigada amigo, pelo magnifico convite.

 

 

 

Hoje, finjo ser poeta.

Finjo brincar com as palavras...

As palavras pairam no ar, e eu não sei do que estou a falar.

Sinceramente, não quero saber...

Quero viver e deixar acontecer...

A vida é linda. A vida é bela...

A vida é doce e amarela, porque não?!

A vida, é o que nós fazemos dela...

A sorte procura-se...

A vida, luta-se.

Se não resulta à primeira.

Vamos à segunda, terceira...

Vamos lutar. Por nós. Pelos nossos. Pelo Mundo.

Pela vida.

Hoje, finjo ser poeta.

Nesta Caneca que me acolhe.

Brinco com as palavras, e sou feliz.

 

A Desconhecida

 

 

 

 

34 comentários

Comentar post

Pág. 1/2