Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Fugi...

Filipe Vaz Correia, 10.02.17

 

Fugi de mim mesmo;

Por entre, os segredos da minha alma,

Na perseguição de um passado,

Que se tornou nesse presente,

Sempre adiado,

Nesse ausente futuro...

 

Fugi desse cheiro que me invade;

Esse sabor que nunca provei,

Numa intensa saudade,

Daquilo que nunca ousei,

Resgatar...

 

Fugi desses sentimentos;

Tão persistente vontade,

Que habitando os meus pensamentos,

Em forma de tempestade,

Agita por momentos,

O meu coração...

 

Fugi de mim mesmo;

Ansiando encontrar,

Nessa eterna viagem,

Essa constante miragem,

Em que se tornou o teu amor...

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.