Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

08
Fev17

Arco-Íris...

Filipe Vaz Correia

 

És como um arco-íris;

Tens em ti todas as cores,

As cores desse mundo,

De alegrias e dores,

Num horizonte tão profundo,

Onde por vezes, te pareces perder...

 

Tens em ti um arco-íris;

Tão brilhante, que te ofusca,

Ofuscando, ofuscante,

Nessa ânsia tão intensa,

Por vezes, asfixiante,

Como uma lua imensa,

Que não pára de brilhar...

 

Vislumbrando esse arco-íris;

Por vezes, querendo saltar,

Libertando-se num segundo,

Agarrando sem parar,

Essa estrela distante,

Que por timidez,

Se parece esconder...

 

Assim um arco-íris;

Tens guardado dentro de ti,

Com todas as cores do mundo...

 

Numa pintura sem fim;

Pintando essa alma,

Escondida nesse jardim,

Que é só teu!

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Comentários recentes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Calendário

Fevereiro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D