Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

04
Set17

Adeus...

Filipe Vaz Correia

 

 

 

Já não mora em mim;

O que anteriormente morava,

Já não chora em mim,

O que pensava chorar,

Já não grita em mim,

A dor que antigamente gritava,

Já não recorda em mim,

Aquilo que outrora recordava,

Já não sorri em mim,

A parte que um dia sorria...

 

Mas passou;

Levemente,

Adormecendo,

Dormente,

Entorpecendo,

Torpente,

Aquele imenso,

Sentimento...

 

E assim;

Se um dia se recordar,

O inevitável findar,

De tamanho amar...

 

Se descreverá;

Numa singela poesia,

Que desapareceu,

Essa eterna alegria,

De um amor...

 

Um infinito olhar;

Que se tornou finito,

Na infinitude,

Plena,

De um doloroso adeus!

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Comentários recentes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Calendário

Setembro 2017

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub