Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

29
Dez18

"Vitamina Keizer"

Filipe Vaz Correia

 

Mais um jogo, mais uma bela demonstração de bom Futebol, por parte da equipa do Sporting.

Dá gosto ver a evolução da "minha" equipa, do trabalho discreto mas indiscutível do Holandês Keiser.

Dois, três toques, evolução constante, pressão efectiva, agressividade positiva, talvez seja a melhor descrição do actual futebol dos Leões.

Dois ou três jogadores a referir:

Miguel Luís, um menino de Alcochete que tem um talento indesmentível, uma versão de Adrien, com a mesma perspectiva de evolução, o mesmo "futuro" brilhante.

Crescendo e com espaço, poderá  tornar-se num médio de valor Europeu.

Bruno Fernandes, o melhor jogador da Liga Portuguesa, mesclando talento com produtividade como mais nenhum outro em solo Lusitano.

Jogasse "noutro" Clube e seria titularissimo na Selecção de Portugal.

Sebastien Coates, trouxe com o seu regresso uma serenidade e segurança que havia faltado em Guimarães.

Para terminar, Raphinha...

Um jogador acima da média, com uma capacidade de finalização importantíssima para um extremo e que acrescentará um poder de decisão em jogos mais equilibrados.

Gostei de ver a reacção à derrota no jogo anterior, demonstrando assim, a vontade desta equipa em lutar pelos títulos que, há muito, fogem de Alvalade.

Viva o Sporting

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

 

 

 

29
Dez18

Soletrados Destinos...

Filipe Vaz Correia

 

 

 

Nos campos da Líbia;

Nas ruas de Nova Iorque,

Nas estradas da Síria,

Nas lojas de Paris,

Nas lágrimas do mundo,

Se perdem e se acham,

Vidas Humanas...

 

Umas abandonadas;

Outras adormecidas,

Umas encantadas,

Outras embelecidas,

Umas esventradas,

Outras, ainda, feridas...

 

Nos campos da Líbia;

Nas ruas de Nova Iorque,

Nas estradas da Síria,

Nas lojas de Paris,

Nos quatro cantos do mundo...

 

Se cumprem destinos;

Solitários destinos,

Soletrados destinos.

 

 

29
Dez18

Uma Nova Corrida Ao Nuclear?

Filipe Vaz Correia

 

Vladimir Putin gritou para o mundo que a Rússia detinha uma nova arma nuclear...

Um míssil intercontinental, capaz de fintar qualquer sistema de defesa existente.

Este é um "presente" de ano novo, dado ao Povo Russo, segundo as palavras do Presidente Putin, amargurando aqueles que julgavam ultrapassada a Guerra Fria e com isso a corrida ao armamento nuclear.

No entanto, olhando para o mapa Geopolítico, será importante não esquecer um novo "player", neste horror bélico que ameaça o futuro da Humanidade...

A China e o seu imponente exército.

Desde a chegada de Donald Trump à Sala Oval, trazendo consigo trapalhadas e incompreensíveis decisões, como a saída do acordo de Paris, "alterações climáticas", assim como, a sua retórica em relação ao tema nuclear, seria expectável uma nova "vida", na busca por novos tipos de armamento.

Algo que parecia garantido, o desmantelamento dos arsenais nucleares, ao longo do tempo, foi sendo negligenciado, cedendo o mundo a essas retóricas populistas que começaram a vencer em vários cantos do mundo,  permitindo o renascimento de ideais extremamente perigosos.

Para onde caminhamos?

Uma questão inquietante que se afigura de difícil resposta, entrelaçada por entre desmandos belicistas, ameaças e populismos.

Começou uma nova corrida ao nuclear?

O mundo espera respostas...

Preocupantes respostas.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Comentários recentes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Calendário

Dezembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D