Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Mão...

Filipe Vaz Correia, 20.07.18

 

 

 

Uma mão vazia;

Carregando essa vida despojada,

Em pedaços de maresia,

Memória reservada,

De tempos passados...

 

Uma mão calejada;

Marcadas incertezas,

Mágoas guardadas,

Incertas belezas,

De um destino...

 

Uma mão sem par;

Solitariamente desencontrada,

Não sabendo soletrar,

A hesitação recordada,

De tamanhas recordações...

 

Uma mão escrevinhadora;

Poetizando tremulamente,

As imprecisões de um tristonho...

 

Coração!