Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

29
Jan18

Grande Amor...

Filipe Vaz Correia

 

 

 

És o pedaço de mim;

Que mais amo,

A parte da alma,

Que me completa,

O sentir longínquo,

Que me desperta,

A incrível vontade,

Descoberta...

 

És a lágrima salgada;

O sorriso e o querer,

És a esperança emocionada,

A intensa alegria de viver,

Por vezes desanimada,

Que em tua presença renasce...

 

És o tudo e o nada;

Novo e velho ardor,

História encantada,

De um grande amor...

 

Pois é isso que és;

O meu grande amor.

 

 

 

 

 

 

29
Jan18

Perguntas De Um Destino!

Filipe Vaz Correia

 

 

 

Um mundo pequeno;

Lágrima asfixiante,

Perdido por entre assombros,

Memória hesitante,

Desassombrados medos,

De um tempo tão distante...

 

Soluçar;

Singelo soluçar da alma,

Alma a abraçar,

Todo esse desejo imenso,

Na imensidão do mar...

 

Escureceu devagarinho;

Já se calaram os pássaros,

Sossegando a inquietude,

Irrequieta forma de amar...

 

Já partiste?

Ou acabaste de chegar?

 

Tantas perguntas;

Segredadamente perdidas,

Em meu coração.