Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

08
Ago17

O Bater De Uma Poesia!

Filipe Vaz Correia

 

 

 

Sinto o bater da pulsação;

Um ruído disfarçado,

Um pedaço de solidão,

Por entre o desejo desamparado,

Desse querer...

 

Sinto essa amargura;

Numa espécie de ferida,

Ausente ternura,

Outrora sentida,

No teu olhar...

 

E disfarçando nesse sorriso;

Essa agrura que é dor,

Vai sobrando o impreciso,

Bater desse amor...

 

Que se perdeu.

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Comentários recentes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Calendário

Agosto 2017

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D