Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Sinto a tua falta...

 

Mãe, que saudade;

De te ver, tocar, ouvir,

Desse sentimento cobarde,

De não te deixar partir...

 

Queria que o mundo me ouvisse;

Naquele grito que quero gritar,

E que nunca me fugisse,

Esse teu abraçar...

 

Aquele beijo ao adormecer;

Aquele aconchego ao chegar,

Aquele sorriso ao amanhecer,

Aquele Amor a falar...

 

Aquelas palavras que me acalentavam;

Aquele olhar de ternura,

Aqueles sonhos que sonhavam,

Sem medo ou amargura...

 

Perdi-te num instante;

Nesse segundo sempre eterno,

Nessa mágoa nunca distante,

Nesse dia, esse inferno...

 

Nunca me abandona o pensamento;

A tua morte, a tua vida,

A dor ou o sofrimento,

Dessa tua partida...

 

Chega então um sorriso;

Um eterno contentamento,

De ter contigo vivido,

Mesmo que por um breve momento...

 

Um momento para sempre nosso!

4 comentários

Comentar post