Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Os Mortos de Pedrogão!

 

As notícias e o aproveitamento sensacionalista deste tempo, atingiu um patamar de mediocridade absolutamente indescritível...

Os mortos de Pedrogão, fazem neste momento as manchetes de quase todos os jornais, são o tema de comentário de quase todas as televisões, deixando para trás a dignidade daqueles que partiram mas também a nossa que supostamente os deveríamos respeitar.

De 64 já passaram para 80, de 80 já ouvi 100 e de 100 se calhar poderemos ter 64...

O Autarca daquele Município veio numa tentativa desesperada por um pouco de respeito, pedir que se acabe com a boataria, com esses rumores que alimentam esta espécie de diz que disse, em versão mórbida e canalha.

Evitei ao máximo escrever sobre o tema pois apesar de muitas vezes pertinente, sempre me pareceu que atirar palavras num triste acontecimento como este, não repunha a dignidade roubada àqueles que ali infelizmente tombaram, no entanto, depois de horas e horas de verborreia sem nexo, desabafo aqui a minha perplexidade com a leviandade com que alguns se entretêm a ganhar audiências com tamanha desgraça.

Se morreram mais pessoas do que estava contabilizado, convêm que se concretize, se denuncie a quem de direito mas por favor deixem as parangonas para assuntos onde o debate possa permitir alguma dignidade e não para acrescentar vozearia ao desaparecimento de tanta gente...

De tantas famílias que ali se perderam.

 

 

Filipe Vaz Correia