Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Na Minha Rua!

 

 

 

Na minha rua;

Desnudada aventura,

Desventurada ternura,

A cada chegada tua,

Partida minha,

Amargura nossa,

Ternurenta candura,

Endurenta lágrima,

Tão pura...

 

Na minha rua;

Tornada nossa,

Os destinos se encontraram,

Desencontrados aguardaram,

Num reencontro encontrado,

O beijo entrelaçado,

Entrelaçando emocionado,

Aquele tempo parado,

Como se o mundo,

Ali estivesse,

Eternizado...

 

Porque só naquela rua;

O sol brindava o anoitecer,

A lua reinava ao amanhecer,

E os sonhos se coloriam,

De todas as cores.

 

 

 

 

1 comentário

Comentar post