Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Luanda: Entre a Miséria E O Luxo!

 

A realidade de Luanda reflecte um pouco a triste caminhada de um País desencontrado, entre a miséria e o luxo, entre a pobreza e a ostentação.

Com o aproximar das eleições, uma reportagem da RTP, demonstra a saciedade o estrabismo esquizofrénico escondido por entre os condomínios luxuosos da baía de Luanda, com o preço mais caro do mundo por metro quadrado e os bairros de lata que envolvem o resto da cidade.

A ilha de ostentação reservada para os membros pertencentes à oligarquia do regime, contrasta com a miséria destinada ao cidadão comum, incapaz de se libertar do jugo familiar que controla aquele País.

As eleições Angolanas serão, como se espera, fraudulentas, uma espécie de farsa que guiará ao poder João Lourenço, como sucessor de José Eduardo dos Santos, à frente dos destinos do MPLA...

E consequentemente, à frente dos destinos da nação.

O poder manter-se-á assim na mesma, com os mesmos, para os mesmos...

Mais do que sinalizar uma realidade contrastante, que todos adivinhávamos, a reportagem emitida pela Televisão Portuguesa, tem como virtude desmascarar aqueles que afectos ao regime, entendem desmentir a verdadeira corrupção, que tomou há muito conta daquele País.

As duas faces de Luanda, são o resultado de anos e anos de poder imposto pelo MPLA, pela cúpula aparelhista que ostenta os dólares do petróleo em seu beneficio e que controlando as forças armadas, guia os destinos daquela pátria a seu belo prazer.

Nada mudará após estas eleições, nada será diferente com esta aparente mudança de lugares, pois o poder permanecerá centralizado na mesma família.

Assim, viajando por entre as faces de Luanda, por entre as diferenças gigantescas que ali se vivem, podemos constatar, o quão falhado se tornou o processo de independência Angolano...

Pois de livre e independente, pouco ou nada, se deve sentir aquele povo.

 

 

Filipe Vaz Correia