Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caneca de Letras

Caneca de Letras

Amo-te!

 

Em cada pedaço do teu olhar;

Reencontro uma parte de mim,

A cada instante, nesse teu respirar,

Resgato uma memória sem fim,

E em cada entrelaçar,

Perco-me enfim,

Nesse eterno, desejar,

Eternamente frenesim,

Que insiste em nos aprisionar...

 

De mãos dadas com o tempo;

Como no dia em que te conheci,

Naquele precioso momento,

Onde certamente me perdi,

Perdendo-me neste sentimento,

Que vive em mim, por ti...

 

Porque só assim faz sentido;

Este destino partilhado,

Formigueiro desconhecido,

Reconhecendo emocionado,

Esse tempo, jamais esquecido,

Deste amor conquistado...

 

Conquistando eternamente,

O bater do teu coração!